Login para sua conta

Usuário *
Senha *
Lembrar-me

Criar uma conta

Campos marcados com asterístico (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Repetir senha *
E-mail *
Repetir e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
Administrador

Administrador

UMA CURIOSIDADE NA POLÍTICA DE BETIM

Nas eleições de 1988 a população manifestou e distribuiu adesivos com a frase: “Não reeleja vereador, faça-o trabalhar”.  E o resultado foi atingido, pois dos 15 vereadores no mandato, apenas um foi reeleito: Totonho de Melo, que era suplente e tomou posse quase no final do pleito, assumindo a vaga da então vereadora Jandira, que pediu licença e foi para os EUA realizar um tratamento de saúde.

CONVERSA MISSIONÁRIA - 23/04
Com o pastor Gessy Oliveira, da Assembleia de Deus missão comaderj em Betim.

Nosso entrevistado hoje PR Valter Valterdeoliveiraneto...

Através das redes sociais, O ministro da Justiça e segurança Pública, Sergio Morou, afirmou que determinou à Polícia Federal a abertura de investigações sobre desvio de verbas destinadas ao combate do Coronavírus.

A medida ocorre após notícias do mau uso dos recursos no combate à Covid-19. Foi divulgado que o governo do estado do Amazonas gastou R$ 2,9 milhões em 28 ventiladores pulmonares que, posteriormente, foram considerados “inadequados” pelo Conselho Regional de Medicina para tratar pacientes com a doença.

anuncie aqui

Também ventilou-se muito na mídia, nas últimas semanas, a compra de produtos para combate à doença com preços muito acima da média de mercado em outros estados dispensando, graças a situação emergencial, a realização de licitações.

Moro afirmou:

Determinei à Polícia Federal a abertura de investigações para apurar de forma implacável qualquer desvio de verba federal destinada ao combate do novo coronavírus, em qualquer lugar que isso ocorra. Trabalharemos juntos com a CGU.

Olá amigos e amigas, seguem as páginas da edição 230 do JORNAL O EVANGELHO. Tenham um excelente e abençoado final de semana!
Acesse também nossa web TV O EVANGELHO:
tvoevangelho.com.br
#COMPARTILHE

Presidente e ministro tiveram divergências públicas sobre estratégias para combater coronavírus.

barra covid19

O presidente Jair Bolsonaro demitiu na tarde desta quinta-feira (16) o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. A demissão foi anunciada pelo próprio ministério em seu Twitter.

“Acabo de ouvir do presidente Jair Bolsonaro o aviso da minha demissão do Ministério da Saúde. Quero agradecer a oportunidade que me foi dada, de ser gerente do nosso SUS, de pôr de pé o projeto de melhoria da saúde dos brasileiros e de planejar o enfrentamento da pandemia do coronavírus, o grande desafio que o nosso sistema de saúde está por enfrentar”, escreveu Mandetta.

“Agradeço a toda a equipe que esteve comigo no MS e desejo êxito ao meu sucessor no cargo de ministro da Saúde. Rogo a Deus e a Nossa Senhora Aparecida que abençoem muito o nosso país”, prosseguiu.

O ex-deputado federal filiado ao Democratas, partido de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, estava à frente da pasta desde o início do governo.

Mandetta e o presidente estavam em rota de colisão por divergirem sobre as estratégias para lidar com a pandemia de coronavírus.

A gota d’água parece ter sido uma entrevista ao Fantástico em que o ex-ministro diz que a população não sabe “se escuta o presidente ou o ministro”.

anuncie aqui

Durante uma transmissão em sua página no Facebook, na noite desta terça-feira (13), o prefeito de Betim, Vittorio Medioli, atualizou informações sobre o Teatro Municipal que, após anos de obras paralisadas, retornou as obras, através de uma contrapartida social no ano passado.

A construção do Teatro Municipal começou em 2011 e as obras foram paralisadas no ano seguinte devido a indícios de fraude. Até então, haviam sido investidos 5 milhões na fundação do prédio.

Em agosto do ano passado, foi anunciada a retomada das obras através de uma contrapartida no valor de R$ 2,4 milhões. A ECOS ficou responsável por fiscalizar o andamento da obra. O Teatro, após finalizado, terá capacidade para 656 pessoas.

Na transmissão feita na noite desta terça-feira, Vittorio Medioli mostrou imagens das obras do teatro, que ainda não tem prazo para terminar e, anunciou também, que do outro lado da avenida Governador Valadares, será construída a Capela Nossa Senhora do Carmo que deverá ficar pronta em 5 meses. Ao lado também será construída uma cachoeira com 5 quedas d’água.

Teatro Municipal

Capacidade: 656 pessoas | 2 camarotes | Palco com 335 m² | 2 camarins

Localização: Av. Governador Valadares (Praça Milton Campos)

SUPERBET rgb

Na próxima quinta-feira, 16, começa a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que vai até 22 de maio. Em Betim, a vacina estará disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) com salas de vacina, conforme a disponibilização de doses pela da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES/MG).

Nesta etapa, serão imunizadas portadores de doenças crônicas, profissionais das forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional, a população privada de liberdade, os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, os caminhoneiros, os profissionais do transporte coletivo (motoristas e cobradores) e os trabalhadores portuários.

Os três últimos grupos foram incluídos nesta fase por determinação do Ministério da Saúde, devido à exposição destas categorias, que prestam serviços essenciais, ao novo coronavírus. Para ser vacinado, é necessário apresentar documento comprobatório da atuação profissional, como carteira de trabalho, contracheque com documento de identidade, carteira de sócio dos sindicatos das respectivas categorias, carteira de habilitação (para motoristas categoria C ou E), crachá funcional ou declarações de trabalho.

anuncie aqui 2

Da mesma forma, os profissionais das forças de segurança e salvamento também devem apresentar documentos que comprovem a atuação profissional para se vacinarem. Já os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais precisam apresentar a prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina. As doenças crônicas incluem algumas condições respiratórias, cardíacas, renais, neurológicas, diabetes, imunossupressão, obesidade grau III, transplantados e portadores de trissomias.

De acordo com a referência técnica em imunização de Betim, Úrsula Rodrigues, é importante destacar que, com a inclusão de novos grupos prioritários, o Ministério da Saúde alterou o público das próximas fases. ¿Os professores passam a integrar a terceira fase da campanha, que começa em 9 de maio, tendo em vista que as aulas estão suspensas. As pessoas com deficiência também serão incluídas na terceira fase e os idosos e profissionais de saúde continuam sendo imunizados até 22 de maio¿, explica.

A partir de 9 de maio, serão vacinadas também as crianças de 6 meses a menores de 6 anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (mulheres até 45 dias pós parto), os indígenas e os adultos de 55 a 59 anos de idade.

Escalonamento

É importante destacar que o Ministério da Saúde vem repassando as doses da vacina aos estados de forma escalonada. Como Betim recebe as doses por lotes e está havendo grande procura da população, pode ocorrer a falta temporária de vacinas. Os estoques são repostos na medida em que a SES/MG envia novos lotes para o município. A orientação é que as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários entrem em contato com as suas UBSs de referência para saber sobre a disponibilidade de vacinas.

Grupos prioritários

Neste ano, a campanha está sendo promovida por etapas para os grupos prioritários. Cada grupo deve estar atento ao calendário de vacinação definido pelo Ministério da Saúde e comparecer às UBSs de Betim com o cartão de vacina. A campanha teve início no dia 23 de março e desde então as pessoas com mais de 60 anos e os trabalhadores da área da saúde estão sendo imunizados.

Betim Tintas

Um decreto da Prefeitura de Betim publicado no Órgão Oficial desta segunda-feira (13), autorizou o retorno do funcionamento de atividades como óticas, gráficas, autopeças, clínicas odontológicas (para atendimento de urgência) e armarinhos (desde que vendam produtos para confecção de mascaras e EPI´s).

Neste mesmo decreto, o município proíbe a utilização de aglomeração na Lagoa Várzea das Flores, como medida de prevenção à disseminação do coronavírus.

anuncie aqui

Cooperativa vai criar mais de 200 novos leitos em sua rede própria. Iniciativa faz parte das várias estratégias para atender os clientes durante a pandemia de COVID-19

A Unimed-BH vai expandir o número de leitos de internação e de terapia intensiva na sua rede própria. A previsão é implantar 50 novos leitos de UTIs adulto, 10 novos leitos de UTI pediátrica e 160 novos leitos de internação. A estratégia é reforçar a infraestrutura de atendimento para continuar oferecendo a melhor assistência em saúde aos seus clientes, especialmente durante a pandemia de COVID-19.

Para a implantação desses leitos e reforço da rede própria, a Unimed-BH vai reativar o Hospital Betim Centro, que estava funcionando apenas com consultórios, e vai transformar o Centro de Promoção da Saúde – Unidade Pedro I em uma Unidade Hospitalar.

anuncie aqui 2

Os 60 novos leitos de UTIs serão distribuídos dentro das unidades próprias da rede Unimed-BH, incluindo, o Hospital Unimed – Unidade Contorno, Hospital Unimed – Unidade Betim, Hospital Betim Centro e o Hospital Infantil São Camilo Unimed. Já os 160 leitos de internação serão distribuídos entre o Hospital Betim Centro e a nova unidade da Pedro I.

“Nosso objetivo neste momento é concentrar esforços em conter a pandemia do coronavírus, oferecer o melhor serviço aos nossos clientes e trazer segurança às nossas equipes. Também estamos nos organizando para contratar mais profissionais de saúde, adquirir equipamentos e insumos”, afirma o diretor-presidente da Unimed-BH, Samuel Flam.

A Unimed-BH prevê que as novas unidades comecem a operar no início de maio. Para isso, a Cooperativa está se preparando e já contratou 200 profissionais, além disso adquiriu novos respiradores. Outra ação da Cooperativa foi firmar uma parceria com uma fábrica para produção de máscaras e capotes, mantendo assim, o fornecimento de insumos.

Todas estas iniciativas fazem parte de um conjunto de ações tomadas pela cooperativa de forma a superar a crise causada pela pandemia de Covid-19 de forma segura e eficiente para médicos cooperados, colaboradores e clientes.

Contratações

Unimed BH – CPS Betim – MG 11/08/2016. © Copyright Élcio Paraíso/Bendita – Conteúdo & Imagem | Todos os direitos reservados | All rights reserved

Novas vagas estão abertas para técnicos de enfermagem, radiologia, enfermeiros e outros profissionais da área da saúde. Para concorrer a essas posições, os interessados devem acessar o menu Trabalhe Conosco no site www.unimedbh.com.br.